Gerenciamento de Projetos e seus Desafios nas Regiões Periféricas: Nilópolis e suas Gestões (Público – Privado)

Main Article Content

Gabriel de Almeida Martins

Resumo

Trabalhar com projetos é lidar com recursos humanos, fatores financeiros e prazos, com isso, a organização é essencial nesse fundamento. Nesse artigo serão abordados os desafios presentes no gerenciamento de projetos de algumas organizações, tanto pública como privada. Cabe verificar se há formas idênticas na construção de projetos entre elas, se houve dificuldades de implementações e qual métodos utilizados por elas. O estudo de caso foi realizado no município de Nilópolis, Rio de Janeiro, onde foram utilizadas para uma análise qualitativa duas gestões, uma pública, a Secretaria de Turismo de Nilópolis, e uma privada, Colaboração.Space – HUB de inovação da Baixada Fluminense.  As visões internas e a quantidade de pessoas para realização de um projeto em uma gestão são fundamentais. Para tal, a importância do presente trabalho é apresentar a acuidade do gerenciamento de projetos nessas gestões e como pode ajudar a construir para uma eficácia nos empreendimentos. Além disso, destacar como o setor privado e público caminham juntos para um desenvolvimento conjunto da cidade de Nilópolis e seu patrimônio.  

Article Details

Como Citar
MARTINS, Gabriel de Almeida. Gerenciamento de Projetos e seus Desafios nas Regiões Periféricas: Nilópolis e suas Gestões (Público – Privado). Boletim do Gerenciamento, [S.l.], v. 18, n. 18, p. 1-9, out. 2020. ISSN 2595-6531. Disponível em: <https://nppg.org.br/revistas/boletimdogerenciamento/article/view/382>. Acesso em: 29 out. 2020.
Seção
Artigos