A certificação leed: estudo de caso Japan house - São Paulo

Main Article Content

Jacira F. S. Rosa Fernanda Maria P.F. Ferreira

Resumo

A partir da década de 90 começaram a surgir as primeiras certificações de  construção  sustentável  com  o  objetivo  de  auxiliar  tanto  no desempenho  das  edificações,  como  atuar  nas  diversas  fases  do processo de uma construção sustentável. A certificação ambiental para edificações  LEED  “Leadership  in  Energy  and  Environmental  Design” surgiu nos EUA, em 1998. Atualmente, essa certificação é utilizada em mais de 160 países e voltada para a adoção de práticas de construção sustentável. Em 2007 a certificação é implementada no Brasil através do GBC  Brasil  “Green  Building  Council  Brazil”.  O  presente  trabalho  de caráter exploratório, utilizou a pesquisa bibliográfica como critério para o  procedimento  técnico.  Pretendeu-se  efetuar  o  levantamento  da certificação ambiental internacional LEED, sua descrição e o conceito teórico  dessa  certificação.  Com  o objetivo  geral  de análise  das principais  características  de  uma  construção  sustentável  de  acordo com  a  certificação  ambiental  internacional  LEED,  foi  realizado  um estudo de caso de um empreendimento, a Japan House São Paulo. O empreendimento obteve a certificação máxima - o LEED Platinum, com atendimento à 80% da pontuação total.  Dentre as principais categorias de desempenho da edificação, ressalta-se as categorias de água e energia,  apresentando  um excelente  desempenho  energético, alcançando 95% na categoria energia.

Article Details

Como Citar
ROSA, Jacira F. S.; FERREIRA, Fernanda Maria P.F.. A certificação leed: estudo de caso Japan house - São Paulo. Gestão e Gerenciamento, [S.l.], v. 24, n. 24, jan. 2024. ISSN 2447-1291. Disponível em: <https://nppg.org.br/revistas/gestaoegerenciamento/article/view/1089>. Acesso em: 01 mar. 2024.
Seção
Artigos